coding weekly #113

Newsletters - 16/Set/2020 - por Campus Code
A sua newsletter da Campus Code • Edição 113 - Setembro de 2020

Hey! Tudo bem?

Já que bots se tornaram aplicações dos sonhos para muitos negócios, selecionamos alguns artigos para te ajudar a entender o assunto e criar o seu primeiro projeto de repetições padrão e respostas automatizadas.

Você também vê quatro passos para construir um time de desenvolvimento engajado, como refatorar code smells de forma efetiva, os top 10 riscos críticos de segurança, 10 dicas de como não fazer um deploy e combinando fontes com deep learning.

Boa leitura!

CRIANDO BOTS

Imagem animada de um robô preateado digitando em um computador.
Crie seu primeiro bot no Slack

Programas de computador são comumente utilizados para ajudar a realizar tarefas repetitivas e, recentemente, os bots têm sido bastante utilizados em ferramentas de comunicação como WhatsApp ou Slack, por exemplo. Se você tem interesse em conhecer um pouco sobre esse assunto e criar o seu primeiro bot de Slack, confira esse artigo do campuscoder Allan Klaus.

Crie um chatbot para WhatsApp com Ruby, Sinatra e Twilio

Chatbots são um tipo de bot simples utilizados para se comunicar com seres humanos. São capazes de responder a frases ou palavras-chave. Neste tutorial, você verá como começar a fazer seu próprio chatbot de WhatsApp usando Twilio API e o framework Sinatra com Ruby. Dica do André Benjamim.

Fazendo um bot de Slack para resumir artigos

Um grande problema enfrentado atualmente é o excesso de informações disponíveis para consumo. É um enorme desafio filtrar aquilo que realmente interessa, principalmente quando artigos de texto na internet possuem títulos enganosos. Seria ótimo se houvesse alguma maneira de sabermos mais precisamente o assunto do artigo para tomar decisões mais acertadas e não perder tempo. Neste tutorial, você vê como integrar machine learning a um bot do Slack para gerar resumos de artigos automaticamente. Dica do André Benjamim.

CAMPUSCODERS INDICAM

Imagem animada de cena de Scooby Doo, onde os cinco personagens  batem as mãos juntas no alto.
Quatro passos para construir um time de desenvolvimento engajado

Times de desenvolvimento engajados são parte essencial de uma empresa bem sucedida. Conflitos são resolvidos de forma natural e desafios são superados, permitindo crescimento. Neste artigo, são compartilhadas quatro importantes lições que podem te orientar a montar uma equipe sólida e engajada. Dica da Claudia Capelini.

Sinta o cheiro do problema

Muito do trabalho em desenvolvimento é tratar imperfeições já existentes no código. Uma parte delas costuma aparecer com bastante frequência e são chamadas de code smells, ou cheiro de código, indicando que ali podem haver problemas mais profundos. Nesta palestra, Sandi Metz fala sobre como captar estes indicativos e refatorar o código cirurgicamente para uma correção efetiva. Dica do Mateus Braga.

Top 10 riscos críticos de segurança

A Fundação OWASP divulgou a lista dos 10 riscos mais críticos de segurança em aplicações Web e, tendo em vista uma mudança de padrão na gestão de riscos em desenvolvimento, apresenta, para cada item, informações cruciais como vetor de ataque, pontos vulneráveis, impactos, como prevenir e ainda exemplifica como os ataques podem ocorrer. Dica do Renan Paffaro.

10 dicas de como não fazer um deploy

Fazer o deploy de uma aplicação pode ser uma tarefa estressante, afinal, ele pode dar errado de muitas formas. Para evitar que se torne um processo muito mais difícil do que deveria, você pode conferir esse artigo com 10 dicas do que não fazer na hora de executar o deploy da sua aplicação. Dica do Henrique Morato.

Combinando fontes com deep learning

Precisando encontrar uma combinação de fontes sem muito esforço? O Fontjoy sugere emparelhamento de até 3 fontes através de aprendizagem profunda com rede neural, considerando um tema abrangente e contraste entre elas. Dica do Henrique Morato.

Campus Code